Casamento Não Coisa Conquistada, É Ato Conquistando

Foco

A palestra trabalha três focos: Gerundicidade, Operacionalização & Manutenção. É um conteúdo com grande particularidade na dinâmica da vivência conjugal. A palestra trabalha de forma focal, mostrando que a dinâmica da relação precisa ser vista como uma grande engrenagem onde cada peça precisa ser ajustada à sua função para que o todo – “A máquina Conjugal” – possa ser funcional.

“Toda relação que busca ideais de perfeição, alguém terá que, inevitavelmente, postar-se como agente de dominação.”

Perfeição & Prescrição

Normalmente, este foco em “modelo de casamento”, primeiro, é muito idealizado no discurso da “perfeição”; segundo, é prescritivo, como se todos os casamentos fossem iguais, ainda que no interior deste discurso se ouça dizer que cada casamento é único.

Casamento Funcional

Quando um casal busca uma vivência que se projeta para além da funcionalidade, termina por contaminar a possibilidade deste casamento ser funcional.

de determinar a funcionalidade

O casal, e tão somente o casal, tem o “poder” de determinar a funcionalidade da relação.

Reproduzir vídeo

razão da conjugalidade

O casamento é, e sempre será, um lugar de habitação! Um lugar em que é preciso haver processos, haver negociações justas e racionais; é preciso que as pessoas da relação estejam dispostas a fazer concessões, a abrir mão, em muitos momentos, de suas “próprias razões” para pensar a razão da conjugalidade.

Contato

Facebook Comments

Desculpa! Mas, escrever este texto deu trabalho!