Reflexões Existenciais

O valor das pequenas coisas

Veja esta frase: “Se as mulheres soubessem o valor que têm os homens se ajoelhariam aos seus pés”.

Veja a frase com uma vírgula posta por um homem:

“Se as mulheres soubessem o valor que têm os homens, se ajoelhariam aos seus pés”.

Agora veja a vírgula posta por uma mulher:

“Se as mulheres soubessem o valor que têm, os homens se ajoelhariam aos seus pés”.

Vejam como são as coisas! É uma questão de perspectiva e, sobretudo, saber onde colocar a “vírgula da vida”. Assim, moral da história: há homens que são valorosos, que vale muito apenas a mulher  (a sua mulher) ajoelhar-se aos seus pés, como vez Rute com Boaz (Rute 3); quando falo “ajoelhar-se”, tenho em mente única e exclusivamente o sentido de cuidado, proteção, abrigo, carinho…resgate! Da mesma forma, serve para as mulheres, aquelas que efetivamente reconhecem o seu valor, acrescido do discernimento sobre quais “pés” vai reclinar a cabeça. Use a vírgula da sua existência para estabelecer o sentido do teu viver. Só as feministas e os machistas não sabem o valar das pequenas coisas.

Você não pode copiar o conteúdo desta página