Você não pode copiar o conteúdo desta página
  • Conjugalidade,  Podcast

    Vivência Conjugal

    Vivência Conjugal! O casamento é um contrato de risco! Todo casamento é intermediado por processos de idealização, e como a intensidade das idealizações é determinada por uma funcionalidade ou não relacionamento, ou seja, qualifica a vivência conjugal. Se um casal, sem um relacionamento inicial, nenhum namoro, mantiver um índice muito alto de idealização sob o signo da perfeição, não tenho dúvida em dizer que, na instalação do relacionamento, este relacionamento terá problemas sérios de exibição, visto que, não dia em que o relacionamento é “sujeito perfeito” do namoro/noivado vai desaparecer. Uma vivência conjugal é uma atividade de difícil gerenciamento, pois, são duas vidas muito diferentes, com história de vida com seus segredos,…

  • Reflexões Existenciais

    I look to you: uma confissão.

    “Olhai para mim, e sereis salvos, vós, todos os confins da terra; porque eu sou Deus, e não há outro”. (Isaías 45:22) Whitney Elizabeth Houston (Newark, 9 de agosto de 1963 – Beverly Hills, 11 de fevereiro de 2012), nos últimos anos, antes da sua morte, viveu a destruir-se.  As drogas a destruíram como sempre fazem com qualquer um; seja rico ou pobre, branco ou negro, amarelo ou índio…em qualquer lugar. As raízes gospel estadunidenses se refletem em “I look to you”, o último trabalho de Whitney. A canção toda é uma confissão, a confissão de uma história de vida, que encontra abrigo apenas quando “I look to you”. Um…

  • Conjugalidade,  Podcast

    Conceito de Casamento

    Série: Família e Conjugalidade. Episódio #1: Conceito de Casamento. Tenho dito reiterada vezes que “Casamento” é só um conceito que não implica, em termos funcionais, na dinâmica da vivência relacional. Tenho observado que há um foco no CONCEITO, como se o conceito, por si só, estabelece as garantias de funcionalidade da relação. Isto é inverter o processo, tornando-se engessado. Portanto, é preciso que se pense “casamento”, não a partir do conceito (casamento), mas a partir das PESSOAS DA RELAÇÃO. Pois, quando se foca as pessoas da relação, a percepção das demandas da relação serão percebidas pelos sujeitos que a compõe, neste sentido, fortalece, racionaliza e humaniza o relacionamento. Digo no…

  • Missio Dei

    Cuidado Integral: CI-‘o’-MI

    A particularidade do Programa NEAPEM está no fato de seu foco ser o Cuidado Integral Com ‘o’ Ministro(a)[1]. Devo justificar isto de forma bem prática e simples, com a seguinte fórmula: CI-‘o’-MI. SO conceitos que estão relacionados ao CI-‘o’-MI, sobre os quais estou a contribuir com a minha percepção e discurso sobre o assunto, nos últimos anos. Desta forma penso que é uma insânia pensar a Missão, tendo no seu cerne o Cuidado Integral do Ministro, sob qualquer aspecto, se em primeiro lugar não estiver a PESSOA, enquanto agente humano. Por conta disto, este assunto estou a trabalhar num projeto editorial intitulado “Missio Dei: Referenciais em João Batista” (Prelo, 2019;…

  • Expressão de Espiritualidade

    Mercadores da Fé

    Hebreus 11 não existe na “Bíblia” dos Mercadores da Fé. Eles criaram a mais perversa forma de se relacionarem com a simplicidade do Evangelho: que vida de sucesso é aquela que é isenta de sofrimento. O sofrimento é inerente a condição existencial do ser humano, independentemente, de ser rico ou pobre, branco ou preto, índio ou cigano, crente ou ateu… Eles são carismáticos, boa pinta, falam bem, têm largo sorriso, cativam com fina sutileza…mas são implacáveis: o Dr. Hannibal Lecter é fichinha perto da perversidade destes sujeitos! São calvinistas, arminianos, batistas, presbiterianos, luteranos, metodistas, assembleianos, anglicanos, congregacionais, episcopais; são criacionistas, darwinianos, cessacionistas, continuístas, tribulacionistas,  pré-tribulacionismo, média-tribulacionistas, pós-tribulacionismo; são Pré-milenistas, milenistas,…

  • Reflexões Sociais,  Textos

    Começa a faltar o bom senso para alguns que se dizem crentes.

    Em texto anterior sobre os crentes no Facebook, sobre o fato de que, redes sociais, alguns crentes são os maiores divulgadores do movimento GLS e afins. Certamente, nem todos concordaram com a nota, outros não entenderam bem, enfim, é da nossa natureza humana. Quero insistir em tocar neste assunto. A questão central está fora de foco. A questão central é que, como crentes, NÃO CONCORDAMOS com a prática homossexual. Ponto! Destarte, podemos até dizer, veja bem, até dizer, que não ACEITAMOS. Mas, ao dizer que não aceita já se começa a enviesar o entendimento da coisa. Pois, de alguma forma, o não aceitar vai implicar no IMPEDIMENTO. E aqui está…

  • Reflexões Existenciais,  Textos

    Asinidade: a nossa humanidade

    Nós, seres humanos, nos gabamos na nossa razão: somos humanos por sermos reacionais. Será? O que caracteriza uma racionalidade? A mera habilidade de raciocinar? Criar máquinas, engenharias complexas, tecnologias? A inteligência? Descobertas astronômicas? Enfim! Uma quase infinita possibilidade deste ser, tão singular, complexo; mas, ao mesmo tempo, tão absurdamente revertido de uma asinidade sem limites. Asinidade (poderia ser “asnidade, mas asinidade parece soar melhor), é a nossa capacidade de fazer coisas que a razão não explica. Podemos pensar em asinidade administrativa, educacional, estratégicas, religiosa, enfim. Mas, pense, cá pra nós, asinidade, burrice mesmo é machucar a pessoa amada; a pessoa que por muitas vezes fizemos incontáveis juras de amor, amor…

  • Reflexões Sociais,  Textos

    Amigos, não

    Depois de ter visto umas das séries que mais gosto – criminal minds – na velha mania de não desligar logo a TV, mudei de canal. Logo entrou um comercial de uma operadora de telefonia móvel. O comercial mostra uma promoção, e tal… Depois do personagem-empresa apresentar as vantagens do plano, então, o personagem, que representa o consumidor, diz: “Então vou avisar todo mundo”, ato contínuo, o outro personagem, representando a empresa, diz: “Os amigos?”. O personagem-consumidor, diz: “Não, meus seguidores”. Fiquei pensando sobre o comercial, e aqui estou, postando! Parece-me que, ter seguidores, aos milhares, é um reforço à demanda da necessidade de afirmação no cenário da nova ordem…

  • Educação,  Textos

    O que você sugere para melhorar a Educação Brasileira?

    Antes de tudo, convém uma pergunta básica: o que educação?  Se fossemos fazer um passeio pelas páginas dos grandes vultos no assunto, teríamos aqui para mais de milhares de definições. Porém, este não é caso! Pensando de forma objetiva, diríamos que educação é todo e qualquer processo que resgate no indivíduo o significado de ser humano. Não humano quanto ao contingente, mas humano no sentido das relações, onde os limites de cada um enquanto sujeitos intersubjetivos fossem clara e devidamente demarcados e respeitados. Educação é um processo intermitente do ato de viver! Educação não é simplesmente o aletramento. Não deve ser um mero discurso com objetivos de aflorar a auto-estima:…

  • Reflexões Sociais,  Textos

    Sempre que Chove

    Sempre que tem grande chuvas, que provam o caos nas grandes cidades, e, os já conhecidos “deslizamentos” de terra, começa as especulações em todos os setores e em todos os sentidos. A mídia começa a informar a situação caótica que se abate sobre as cidades; e sempre o velho jargão sobre “as regiões mais atingidas pelo temporal”, e, como se sabe, parece ser sempre os de sempre. Mortos, milhares de desalojados e aos milhares de desabrigados. Os políticos dão entrevistas a todo o momento, fazem recomendações… A mídia entrevista todo tipo de gente: macumbeiros, meteorologistas, especialistas em hidrografia, em trânsito, em urbanização, em comportamento humano, etc, etc. Fico me perguntando…